Hepatite: alerta de gravidade e prevenção da doença

Por Dr. Marcos Paulo Gouveia de Oliveira
Sumário

A hepatite é uma inflamação nos hepatócitos, as células do fígado e elas podem ocorrer por vários motivos.

A hepatite pode ser causada por uma inflamação causada por vírus, por álcool, por esteatose, que há acúmulo de gordura no fígado ou até mesmo uma relação autoimune, onde o próprio organismo gera uma inflamação no fígado. Continue acompanhando o post e saiba mais sobre essa doença possivelmente grave.

Como ocorre o Diagnóstico da Hepatite?

É importante saber que muitas vezes essa inflamação é assintomática e o paciente só vai sentir alguma coisa ou apresentar algum sinal com a doença mais avançada.

Em alguns casos, já é encontrada alguma alteração em exames de rotina, com alteração das enzimas, alteração da função do fígado, e é importante que a causa dessa inflamação seja investigada.

Aquelas pessoas que já podem estar em um grau mais avançado, costumam mostrar estes sintomas:

  • Amarelão nos olhos;
  • Urina escura;
  • Evacuações mais claras;
  • Extensão do abdômen
  • Dor do lado direito.

Muitas vezes essas pessoas podem precisar até de uma internação, para identificar a causa e compensar o quadro clínico.

Como é feito o Tratamento da Hepatite?

No primeiro momento, é feito suporte clínico, tratamento dos sintomas, enquanto a causa é investigada.

Algumas causas podem ser reversíveis com a gente tirando aquele fator que causou a inflamação, como o álcool e/ou alguns medicamentos, mas algumas doenças já em estado mais avançado são irreversíveis, podendo ser necessário um tratamento mais invasivo, como até mesmo o transplante de fígado.

Isto é importante para prevenirmos que a inflamação chegue em um nível mais avançado, prevenção que pode ser feita de alguns jeitos, como:

  • Prevenindo a infecção por doenças;
  • Se vacinando contra hepatite;
  • Intervindo em pacientes com esteatose.

Então, se você tem dúvidas, se você teve alguma alteração no exame de fígado que possa ser um sinal precoce da inflamação no fígado, é importante a avaliação do especialista para que essa causa seja assim definida de uma maneira mais breve e precoce e as medidas sejam tomadas para que evite a progressão da doença.

Se essa dica foi importante para você, se você conhece alguém que possa se beneficiar dela, curta, compartilhe e nos siga para mais informações!

Dr. Marcos Paulo Gouveia de Oliveira | Hepatogastro

Dr. Marcos Paulo Gouveia de Oliveira

CRM: 174843 | RQE : 94248 - Cirurgia do aparelho digestivo
O Dr. Marcos Gouveia tem foco em Cirurgia Bariátrica e Metabólica, além de procedimentos minimamente invasivos do estômago, intestino e de hérnias da parede abdominal.

Compartilhe nas redes sociais:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

teste

Entendendo a importância dos exames de sangue: o que os resultados podem revelar sobre a saúde do fígado

27/06/2024
Os exames de sangue são cruciais para avaliar o fígado, detectando precocemente problemas como hepatite e cirrose. Entenda a importância desses exames, os tipos específicos para o fígado e como manter este órgão saudável com uma dieta equilibrada e hábitos saudáveis. Entenda mais sobre esse assunto lendo o texto abaixo! Os exames de sangue são […]
Leia mais

É possível uma pessoa magra ter esteatose hepática?

21/05/2024
A Esteatose Hepática, também conhecida como fígado gorduroso, é uma condição em que há acúmulo excessivo de gordura nas células do fígado. Esta condição pode ser assintomática, mas quando não tratada, pode levar a complicações sérias.  No post de hoje, falaremos sobre a relação entre a Esteatose Hepática e os aspectos metabólicos do organismo humano. […]
Leia mais

Desenvolvido por Surya Marketing Médico.

Clínica Hepatogastro © 2024 Direitos reservados Atualizado em: 28/07/2023
magnifiercross