Clínica Hepatogastro

Descobri Pedras na Vesícula, qual o tratamento indicado? 

Por Dr. Marcos Paulo Gouveia de Oliveira27/10/2022
Tempo de leitura: 2 minutos
Por Dr. Marcos Paulo Gouveia de Oliveira
27/10/22
Sumário

Localizada no lobo inferior direito do fígado, a vesícula biliar possui a função de armazenar e concentrar bile, que participa da digestão de gordura. Quando esse processo sofre um desequilíbrio, sais biliares espessos se acumulam na região e formam pedras na vesícula. 

Descobri Pedras Na Vesicula Qual O Tratamento Indicado Clinica Hepatogastro Bg
Descobri Pedras Na Vesícula, Qual O Tratamento Indicado?  2

Se você foi diagnosticado com pedras na vesícula recentemente, acompanhe esse artigo para entender como funciona o tratamento!  

O que pode causar pedras na vesícula? 

Podemos dizer que as pedras na vesícula, também conhecidas como cálculos biliares, podem ter dimensões muito pequenas ou tamanho significativo, provocando sintomas incômodos.  

Geralmente, sua formação ocorre devido à má alimentação. Isso significa que, ao manter uma dieta rica em gordura e carboidratos, as chances de desenvolver essa condição são maiores. 

Existem ainda outros fatores que podem contribuir com o surgimento de pedras na vesícula, sendo eles: 

  • Gestação;
  • Hipertensão;
  • Tabagismo;
  • Diabetes;
  • Genética; 
  • Pouca ingestão de fibras;
  • Colesterol elevado (LDL ruim);
  • Redução do HDL (bom);
  • Sedentarismo;
  • Obesidade.

Quais são os principais sintomas de pedra na vesícula? 

Em alguns casos, as pedras na vesícula não provocam sintomas. Porém, na maioria das vezes, a condição pode levar a uma dor intensa ao lado direito superior do abdômen, que pode irradiar para as costelas ou caixa torácica. 

Essa dor costuma surgir após uma refeição, quando existe a necessidade de a vesícula liberar a bile, atingindo picos de intensidade e diminuindo em seguida, podendo ser acompanhada por febre e náuseas. Também podemos destacar entre os principais sintomas: 

  • Icterícia;
  • Escurecimento de urina;
  • Fezes com a coloração esbranquiçada.
  • Febre
  • Vômitos.

Como funciona o diagnóstico? 

O diagnóstico é obtido após a realização de exames como a ultrassonografia abdominal, onde é possível observar os cálculos no interior da vesícula.

E qual o tratamento para pedras na vesícula?

O tratamento para pedras na vesícula pode ser feito através de medicamentos, com o objetivo de diluir o cálculo quando o colesterol é a principal causa. Mas, a cirurgia continua sendo o método mais indicado.

O procedimento é realizado por meio de uma técnica conhecida como laparoscopia, onde são feitas quatro incisões e através delas é inserida uma câmera para visualização e pinças para a remoção da vesícula.

Vale lembrar que, mesmo após a remoção do órgão, o paciente não corre riscos, pois a bile continuará fazendo seu processo, porém agora partirá do fígado direto ao intestino. 

E para evitar maiores complicações, é importante manter uma dieta equilibrada, com pouca gordura, e manter o peso de acordo com o porte físico para ajudar a controlar o colesterol, hipertensão e diabetes. 

O conteúdo esclareceu suas dúvidas? Deixe um comentário abaixo com o seu feedback e compartilhe!

Dr. Marcos Paulo Gouveia de Oliveira | Hepatogastro

Dr. Marcos Paulo Gouveia de Oliveira

CRM: 174843 | RQE : 94248 - Cirurgia do aparelho digestivo
O Dr. Marcos Gouveia tem foco em Cirurgia Bariátrica e Metabólica, além de procedimentos minimamente invasivos do estômago, intestino e de hérnias da parede abdominal.
Acessar currículo

Compartilhe nas redes sociais:

TAGS:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

teste

Desenvolvido por Surya Marketing Médico.

Clínica Hepatogastro © 2024 Direitos reservados
Última atualização: 23/05/2024 às 15:27
magnifiercross