Clínica Hepatogastro

Ascite: o que é?

Atualizado em 04/08/2021
Tempo de leitura: 2 min.
Por Dr. Rodrigo Rocco | 13/04/21

Ascite é o acúmulo de líquido dentro da barriga e isso ocorre mais frequente por conta da cirrose.

Entenda o que causa a ascite

Quando o paciente tem cirrose, um dos sintomas de descompensação é o surgimento da barriga d’água. Existem outros sintomas também, como: encefalopatia, hemorragia digestiva alta, ascite, icterícia, entre outros.

O líquido que começa a surgir na barriga do paciente nada mais é do que o acúmulo de sal e água que o organismo acaba absorvendo. Esse líquido absorvido se acumula nas principais regiões onde há gravidade, como nas pernas, e acaba extravasando para dentro da barriga.

A ascite na barriga, vulgarmente chamada de barriga d’água, é decorrente de um parasita chamado Schistosoma mansoni, conhecido também como esquistossomose, mas lembre-se que nem todos os pacientes são cirróticos.

Como a cirrose é uma doença endêmica no Brasil, acabamos levando em consideração que esses pacientes também desenvolvem quadros de ascite.

Quando identificada, é preciso saber exatamente qual o motivo que levou a isso, se foi um quadro da esquistossomose ou da cirrose. Portanto, 40 ml desse material são coletados para analise do líquido.

Existem outras situações mais raras que também desenvolvem a ascite, como, por exemplo, cânceres dentro da barriga.

Tratamento da ascite

As pessoas que tem cirrose e desenvolvem a ascite precisam obrigatoriamente comer uma dieta com pouquíssimo sal, ou seja, a preparo da comida deve ser completamente sem sal, apenas usar um sachê de no máximo 1g no almoço e na janta.

Além dessa restrição, também existem outras que o paciente deve evitar, como:

  • embutidos;
  • queijos amarelos;
  • comidas prontas;
  • pão francês.

Todas as comidas prontas possuem uma quantidade de muito grande de sal.

Caso o paciente continue persistindo com quadro de ascite, o médico pode indicar alguns diuréticos, que são remédios que fazem a pessoa eliminar maior quantidade de sal e líquido pelo xixi controlando a ascite.

Se mesmo após essa medida a ascite ainda persista, o médico poderá indicar, além dos medicamentos, alguns procedimentos a serem realizado, dentre eles, o transplante de fígado.

Então, se você tem ascite e restringe sal, deixe o seu comentário abaixo do vídeo dizendo como é a sua experiência em relação ao consumo de menor quantidade de sal e se você tem ascite, conte-nos como foi a resposta em relação a essa terapia.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

 | 24 / 11 / 21
Entenda o que significa um diagnóstico de coledocolitíase e saiba como esse problema das vias biliares é tratado.
Ler Mais
 | 23 / 11 / 21
O centro de transplante de fígado são centros de armazenamento de órgãos, podemos armazenar não só fígado como outros órgãos também. Venha conferir mais sobre esse tema!
Ler Mais
1 2 3 35
Clínica Hepatogastro
Redes Sociais
Av. Presidente Juscelino
Kubitschek, 1545 conj. 31
Itaim – São Paulo/SP
(11) 3437-3228
Rua José Janarelli, 199
conj 105 – Morumbi-SP
(11) 3721-1300
Atenção: O site  www.hepatogastro.com.br  é um espaço que visa melhorar o acesso dos pacientes a informações importantes sobre saúde. Não deve ser utilizado como um substituto de uma avaliação completa, durante consulta médica.

Clínica Hepatogastro© 2021 Direitos Reservados – Desenvolvido por Surya Marketing Médico.

Última atualização: 24/11/2021 às 15:56
magnifiercross