Dr. Paolo Rogério de Oliveira Salvalaggio
 Cv Lattes   Google Scholar
Atualizado em 23/09/2020

O que é uma hérnia de hiato e qual a forma de tratamento?

A hérnia de hiato é uma doença em que há um mal posicionamento do estomago e do esôfago.  O tórax e a cavidade abdominal têm uma separação interna. Ela é feita pelo músculo diafragma e conta com uma abertura para a passagem do esôfago. O estômago fica na parte de baixo dessa musculatura. 

A imagem mostra uma ilustração do órgão esôfago.

Você sabia que o tórax e a cavidade abdominal têm uma separação interna? Ela é feita pelo músculo diafragma e conta com uma abertura para a passagem do esôfago. O estômago fica na parte de baixo dessa musculatura.

Quando acontecem problemas há um mau posicionamento do estômago e do esôfago por uma abertura maior do que o normal desta passagem, isso é conhecido como uma hérnia de hiato. Nem sempre ela traz complicações, mas pode provocar sintomas desconfortáveis, como azia, queimação, desconforto e arrotos, característicos da doença do refluxo gastroesofageano.

Por isso, é importante saber quais manifestações indicam esse problema, a fim de buscar ajuda médica quando necessário. E foi pensando nisso que nós preparamos este artigo. Continue lendo para entender melhor o que é uma hérnia de hiato e de que maneira ela pode ser tratada.

O que é a hérnia de hiato?

O tronco do ser humano pode ser dividido basicamente em tórax e abdômen. Esses dois conjuntos são separados internamente pelo diafragma. O esôfago fica acima desse músculo e o estômago fica abaixo dele. Existe uma abertura chamada de hiato, ou hiato esofagiano do diafragma, nome recebido porque é por ali que o esôfago passa.

O esôfago é um órgão em formato tubular que se junta ao estômago servindo como passagem para o alimento. A hérnia de hiato acontece quando há um mau posicionamento do estômago e do esôfago nessa separação realizada pelo diafragma, devido a uma abertura maior do que o normal no hiato esofageano do diafragma.

Há um extravasamento das estruturas por esse canal alterando o formato do ponto de junção entre o esôfago e o estômago, ou somente do estômago. Sendo assim, a hérnia de hiato apresenta dois tipos diferentes.

Hérnia de hiato por deslizamento

Na hérnia de hiato por deslizamento a área onde acontece a junção do esôfago ao estômago, que deveria ficar abaixo do diafragma, se projeta para cima dele. Também uma pequena parte do estômago passa pelo hiato ficando sobre o diafragma. Esse é o tipo de hérnia de hiato mais comum.

Hérnia de hiato paraesofágica

Na hérnia de hiato paraesofágica, ou de rolamento, a porção que faz a junção entre o estômago e o esôfago continua abaixo do diafragma, mas uma parte do estômago extravasa pelo hiato, se posicionando em cima do músculo, logo ao lado do esôfago.

O que causa hérnia de hiato e quais são os sintomas?

Explicamos que o hiato é um orifício por onde deveria passar apenas o esôfago, e que ele está localizado em um músculo. Portanto, uma possível causa da hérnia de hiato seria um afrouxamento dessa musculatura. Também existe a possibilidade de um alargamento do canal.

Ainda não se tem certeza do que exatamente pode provocar esses problemas estruturais, mas isso pode estar relacionado com a idade, atingindo aqueles com mais de 50 anos, também com a obesidade e o tabagismo.

Quando se manifesta uma hérnia por deslizamento a maioria dos pacientes não desenvolve sintomas. Isso porque ela costuma ter pequenas dimensões, então, quando ocorre alguma manifestação é bastante leve, como indigestão ou refluxo gastroesofágico, percebidos principalmente após comer.

Já no caso da hérnia paraesofágica, ela não causa sintomas, mas oferece o risco de estrangulamento da porção do estômago que passou pelo hiato. Ela pode ficar presa ou ser comprimida pelo diafragma, impedindo a circulação sanguínea. Esse é um quadro que requer atenção imediata, sendo tratado por meio de cirurgia. Manifesta:

  • inchaço;
  • eructação;
  • dor no peito;
  • dificuldade para engolir.

Como a hérnia de hiato é tratada?

Quando a hérnia de hiato provoca os sintomas de refluxo, o tratamento adotado é com medicamentos para reduzir a quantidade de ácidos produzidos pelo estômago. Também são recomendadas medidas como:

  • manter a cabeça mais elevada ao dormir;
  • reduzir a quantidade de alimento ingerida;
  • manter um peso corporal saudável;
  • evitar o tabagismo e uso de álcool;
  • evitar se deitar ou se exercitar após comer.

É importante fazer algumas adequações alimentares evitando bebidas e alimentos que provocam sintomas de refluxo, como refrigerantes, café, ou muito temperados.

Em alguns casos pode ser necessário corrigir a hérnia de hiato, naqueles que não melhoram ou não conseguem ficar sem medicação. É feita uma cirurgia, que pode ser por videolaparoscopia ou com plataforma robotica, a fim de reposicionar o esôfago e o estômago e corrigir possíveis problemas no músculo diafragma.

A hérnia de hiato pode trazer alguns desconfortos, mas eles são facilmente minimizados. Não é considerado um problema grave, com exceção dos casos onde há sintoma mais intensos da doença do refluxo gastroesofageano. De toda forma, é importante consultar o médico quando perceber sintomas desagradáveis, a fim de fazer uma avaliação individualizada.

× Agendar Consulta.