Dr. Paolo Rogério de Oliveira Salvalaggio
 Cv Lattes   Google Scholar
CRM: 143673 SP
Atualizado em 10/08/2020 Atualizado em 10/08/2020

Alimentos inofensivos podem te prejudicar

Muitas vezes ingerimos alimentos e bebidas que consideramos saudáveis, por estarem sempre presentes em nosso cotidiano, e por serem, algumas vezes, naturais, como frutas.

Mas aí é que mora o perigo: alguns alimentos podem ser ácidos, condimentados e até mesmo, possuírem em sua composição conservantes em grande quantidade e substâncias químicas prejudiciais para sua digestão.

Alguma vez você já sentiu algum desconforto, enjoo ou azia e não soube qual alimento ou bebida te fez mal? Separamos alguns que devemos evitar em demasia.

Você acabou de tomar uma limonada ou laranjada e sentiu que não desceu bem? Isso se deve ao fato de serem frutas cítricas. Mesmo naturais e ricas em vitamina C, possuem em sua composição mais ácidos do que em outras frutas, como banana ou maçã. Se te fez mal, evite-as. Frutas como acerola e goiaba podem ser uma boa pedida, pois são ricas em vitaminas C e possuem menos ácidos em sua composição.

Comeu um lanche de mortadela, ou até mesmo um cachorro-quente e sentiu indigestão? Pode ter sido por causa dos embutidos, já que o processo de elaboração desses alimentos consiste em diversas misturas de gorduras, miúdos, condimentos e corantes para ressaltar o sabor.

Bebeu café ou chá e sentiu azia? A cafeína pode provocar o aumento do ácido clorídrico no estômago, que é o responsável pela digestão e absorção de tudo que é ingerido e desta forma pode gerar mais gastrite, úlcera ou refluxo.

Anda sentindo desconforto mesmo sem ingerir esses alimentos cotidianamente ou em excesso? Procure um profissional qualificado que seja capaz de entender o diagnóstico, realizar o tratamento e te explicar os fatores de risco para estes problemas.

× Agendar Consulta.